CEDECARJ

Pronunciamento Público

Pronunciamento do CEDECA RJ com adesões a respeito das matérias divulgadas pelo Jornal O Globo de 26/03/2019 sob o título “Maioria dos jovens infratores no Rio já cometeu outra infração antes” e na Globo News em 25/03/20192 sob o título “Maioria dos jovens infratores abandonou a escola”.

Para ler o pronunciamento por completo  CLIQUE AQUI: PRONUNCIAMENTO PÚBLICO CEDECARJ

CONVITE – Fórum de Justiça Restaurativa no RJ

O Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente – CEDECA Rio de Janeiro, com objetivo de divulgar, propor e implementar praticas restaurativas no sistema de garantia de direitos com foco na socioeducação, convida a todos os interessados na temática a participar do evento de construção de um Fórum de Justiça Restaurativa no Rio de Janeiro, para que possamos reunir as experiências e profissionais na área da infância e adolescência em um espaço de diálogo e troca de saberes.

Data: 02 de abril de 2019

Horário: 9h às 12h

Local: Rua São José, 35. 13º andar. Auditório da Defensoria Pública, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Público alvo: Profissionais que trabalham com adolescentes.

Para se inscrever CLIQUE AQUI

 

Aconteceu quarta-feira, 13 de fevereiro, a oficina do Projeto Planos Estaduais: Desafios e Conquistas – Monitoramento dos Planos Estaduais de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

O projeto possui como objetivo o monitoramento da implantação e implementação dos Planos Estaduais de Enfrentamento a Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes será desenvolvido em parceria com o Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Criança e Adolescente e a Rede ECPAT Brasil.
Pretende construir indicadores qualitativos e quantitativos de monitoramento para a implantação e implementação dos planos estaduais, debater e mobilizar os estados brasileiros para a implementação do Plano Nacional revisado e aprovado pelo CONANDA. A proposta é proporcionar um amplo debate, em especial acerca dos aspectos mais polêmicos do plano, e estimular que cada estado retome a discussão dos planos estaduais, construindo uma agenda propositiva.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente – CEDECA RIO DE JANEIRO, em parceria com a UCAM – Ipanema convida você para o evento de “MOBILIZAÇÃO PARA O PROCESSO DE ESCOLHA DE CONSELHEIROS TUTELARES“.

Quando será? Dia 15 de março de 2019, sexta-feira, das 09 horas às 13 horas.

Aonde será? No auditório do 6º andar da Universidade Cândido Mendes (UCAM),Rua Joana Angélica nº63 – Ipanema (próximo a estação de metrô Praça Nossa Senhora da Paz).

Atenção: É necessário subir do 5º ao 6º andar de escada para chegar até o auditório.

Quem pode participar? Qualquer pessoa que tenha interesse em saber sobre o Conselho Tutelar.

Como se inscrever? Através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfFRSxGsIy3Rrs7WyNW72J0NE7whl5PYl8VGMPwbtw_I4bYJQ/viewform

Quem estará nas mesas?

EUFRÁSIA SOUZA – Defensora Pública da Coordenadoria de Defesa da Criança e do Adolescente (CDEDICA).

LUCIMAR CORRÊA – Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Rio de Janeiro (CMDCA Rio) e coordenadora da São Martinho.

PEDRO PEREIRA – Advogado e coordenador do Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente do Rio de Janeiro (CEDECA RJ).

REGINA LEÃO – Conselheira do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONANDA) e coordenadora da Pastoral do Menor da Arquidiocese do Rio de Janeiro.

RODRIGO LIMA – Assistente Social e professor da Universidade Federal Fluminense (UFF)

SERGIO HENRIQUE TEIXEIRA – Psicólogo e assessor da Associação dos Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Estado do Rio de Janeiro (ACTERJ).

 

Para acessar a programação do evento clique aqui: MOBILIZAÇÃO CTs 2019

Hoje, segunda-feira 25/02, foi o lançamento da Frente Parlamentar Pró-Infância, Adolescência e Adoção na ALERJ (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro). A Frente foi criada para acompanhar e defender políticas e ações para garantir os direitos de crianças e adolescentes, e o fomento da adoção, seja ela tardia ou não. A ideia é propor projetos de lei em conjunto na Assembleia Legislativa, além de acompanhar e dar visibilidade às proposições em tramitação na Alerj que beneficiem a Infância, a Adolescência e a Adoção. Tia Ju também pretende promover debates, simpósios, seminários e outros eventos pertinentes ao tema, com a participação dos diversos segmentos da sociedade civil para garantir a interação e o fortalecimento das ações parlamentares voltadas para as áreas da infância/adolescência e de defesa e fomento do processo de Adoção Tardia.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Acontece hoje, 22 de fevereiro, a primeira oficina do Projeto Planos Estaduais: Desafios e Conquistas – Monitoramento dos Planos Estaduais de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes.

O projeto possui como objetivo o monitoramento da implantação e implementação dos Planos Estaduais de Enfrentamento a Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes será desenvolvido em parceria com o Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Criança e Adolescente e a Rede ECPAT Brasil.
Pretende construir indicadores qualitativos e quantitativos de monitoramento para a implantação e implementação dos planos estaduais, debater e mobilizar os estados brasileiros para a implementação do Plano Nacional revisado e aprovado pelo CONANDA. A proposta é proporcionar um amplo debate, em especial acerca dos aspectos mais polêmicos do plano, e estimular que cada estado retome a discussão dos planos estaduais, construindo uma agenda propositiva.

Fique atento:

WhatsApp Image 2019-02-14 at 23.19.42

CLIQUE AQUI para ler o Resultado final.

CLIQUE AQUI para ler o Edital nº001/2019 na íntegra.

NOTA DO INSTITUTO CARIOCA DE CRIMINOLOGIA

O CEDECA RIO DE JANEIRO vêm a publico expressar seu apoio e divulgar a Nota do Instituto Carioca de Criminologia – ICC que analisa criticamente o anteprojeto de lei apresentado ao Congresso pelo Ministério da Justiça, com a pretensão de alterar diversos dispositivos legais que disciplinam o direito, o processo e a execução penal brasileiros.

ICC – nota publica sobre o anteprojeto

 

Hoje, 25 de janeiro de 2019, abre o edital nº001/2019 para seleção e contratação de 7 (sete) pesquisadores(as) para atender os estados remanescentes conforme necessidades do Projeto de Monitoramento dos Planos Estaduais de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes. Esteja atento aos prazos e aos documentos pedidos.

CLIQUE AQUI para visualizar o Edital na íntegra

“O Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (MNPCT) abre consulta pública sobre a Minuta de Resolução que estabelece diretrizes para o atendimento socioeducativo às adolescentes privadas de liberdade no Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (SINASE). Constituem o público-alvo, organizações da sociedade civil, gestores da política socioeducativa, conselhos de direitos da criança e do adolescente, órgãos públicos e do sistema de justiça da infância e juventude, e entidades de trabalhadores socioeducativos, além da população em geral.”

Leia na íntegra tudo sobre e acesse o cronograma no site do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos CLICANDO AQUI.